– CREME DE ARROZ COM MAÇÃ –

Creme de arroz com maçã! Um verdadeiro início de dia: aconchegante, nutritivo, saboroso e visualmente apelativo. Este creme de arroz é um bálsamo para os nossos intestinos, nutre-os com o aporte de fibra do arroz integral, ajudando à sua regularização também.

Este creme pode ter inúmeras combinações: fruta (eu gosto particularmente com maçã, marmelo, mirtilos, melão e pêssego – cada um na sua estação :)); nozes, amêndoas, passas, canela, manteiga de amendoim, manteiga de sésamo, sementes de girassol, adoçante natural, etc!

Mesmo que a base seja a mesma, o creme de arroz integral, os toppings podem (e devem) variar todos os dias, consoante o que nos apetece e temos em casa. Importante termos uma fonte de gordura (que advém das oleaginosas), de hidratos de carbono simples (fruta) e complexos (arroz integral) e as vitaminas e minerais das sementes. Normalmente, cozinho uma porção maior e deixo no frigorífico preparado para de manhã ser só aquecer e juntar o que me apetecer como topping. Rápido e fácil, não há desculpas para não variar ao pequeno-almoço de forma saudável.

Ah! E este pequeno-almoço é bastante nutritivo, devido aos hidratos de carbono complexos, e de absorção lenta, o nosso nível de saciedade prolonga-se durante mais tempo. Só tenho fome passado mais de 3h depois deste pequeno-almoço. Vai experimentar? 🙂

DIFICULDADE
INICIANTE

DOSES
2 DOSES

CONFECÇÃO
10 Min.

  • 6 colheres (bem servidas) de sopa de arroz integral (previamente cozido)
  • 150ml chá ou bebida vegetal
  • 1 maçã
  • toppings a gosto: canela; nozes; amêndoas; fruta; manteiga amendoim, etc.

Cortar a maçã aos pedaços. Num tacho juntar a maçã, o arroz previamente cozinhado, a canela (se preferir pode juntar apenas no fim) e o chá/bebida vegetal.

Em lume médio, deixar ferver e mexer até a maçã estar cozinhada, formando uma papa bastante cremosa (leva no máximo 10 minutos). Se preferir uma consistência mais de papa homogénea pode passar num processador ou com a varinha mágica.

3

Quando o creme estiver no ponto de espessura que gosta reservar. Colocar numa taça e adicionar os toppings a gosto – fruta, nozes, amêndoas, etc.

A maçã já lhe dá o sabor doce, mas – se tiver um paladar mais doce – junte um pouco de adoçante natural.

A palavra de ordem é imaginação, aliada aos gostos pessoais. 🙂