– TARTES DE CACAU –

Criei esta receita para um almoço de família. Daqueles em que há sempre imensos doces na mesa e muitos palatos habituados ao doce “tradicional”. Estas tardes foram colocadas na mesa juntamente com os restantes sem qualquer aviso ou alerta que são sem açúcar, sem lacticínios e sem produtos de origem animal. “Só” muito amor 🙂

O que é certo é que voaram num instante, para acompanhar o café. No fim, com bastantes sorrisos partilhei a sua origem e ganhei mais uns fãs! Vão experimentar?

DIFICULDADE
INICIANTE

DOSES
10 DOSES

CONFECÇÃO
25 Min.

Base:

  • 200gr flocos aveia
  • 100gr flocos de espelta
  • 150gr frutos secos (amêndoa, noz, caju)
  • 3 colheres sopa côco ralado
  • raspa de 1 laranja
  • 100gr geleia de arroz

Recheio:

  • 1l leite espelta
  • 1 colher sopa agar-agar
  • 1 pitada sal
  • 5 colheres sopa cacau (magro e sem açúcar)
  • 2 colheres sopa amido milho/farinha araruta (versão sem glúten)
  • 180gr geleia de arroz

Pré-aquecer o forno a 200graus. Partir os frutos secos e misturar todos os ingredientes para fazer a base – podem colocar durante 2 minutos num processador de cozinha para ficar mais uniforme. Não deve ficar desfeito, mas sim com uma textura suave para que se possam saborear os alimentos.

Colocar a base em cada forma. Gosto de uma camada bem grossa, mas fica ao vosso critério 🙂 Pressionar bem para que se forme uma crosta bem consistente. Levar ao forno durante 35 minutos a 180 graus – o tempo pode variar consoante a potência do forno. A base deve ficar bem tostada e crocante.

Num tacho, juntar o leite de espelta (podem fazer com qualquer outro leite vegetal, mas o de espelta é o mais doce por natureza), o agar-agar e a pitada de sal. Mexer de forma consistente até levantar fervura e continuar a mexer por mais 10 minutos.

Juntar o cacau, a geleia e o amido de milho (ou farinha de araruta). Continuar a mexer por mais 5 minutos, até ficar uniforme e bem dissolvido. Reserve e deixe arrefecer o preparado por 5 minutos.

Verter o líquido para as bases previamente retiradas do forno. Deixar arrefecer por cerca de 25 minutos ou até o recheio ficar totalmente sólido.

Bom apetite 🙂

tarteletes cacau

A reter:

  • Podem optar por fazer uma parte maior, numa forma única.
  • Em vez de cacau podem colocar pasta de amêndoa ou amendoim.

PARTILHE